Parabéns Ruben!!!

Parabéns ao meu nobre amigo, Ruben, de Belém do Pará!

Chamado aos 45 minutos do segundo tempo! rsrss

Você mereceu demais essa vitória.

Após muitos anos de muita dedicação….bola na trave….e pênalti perdido, enfim o gol saiu…kkkk

Sucesso lá em Salvador!

convocado

 

Emanuel Peixoto

* Militar do Exército Brasileiro (QCO/Informática/2011)
* Formado em Sistemas de Informação.
* Instrutor de Informática do Concursando Militar
* Criador do blog “Rumo à EsFCEx”
* Analista de TI do Comando da 7ª Região Militar/Recife-PE
* Profissional com mais de 15 anos de experiência na área de TI, atuando como Engenheiro de Sistemas e DBA.
* Microsoft Certified – MCDBA | MCSE | MCSA | MCITP | MCTS
* IBM Certified Developer – Cognos 8 BI Data Warehouses
* ITIL® V2 e V3
* Green IT Citizen
* ISO/IEC 27002

http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619
http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619

Facebook Twitter LinkedIn Google+ YouTube 

CESAR LEANDRO MUMBACH – 7º COLOCADO INFORMÁTICA – ESFCEX 2016

cesar1Olá, meu nome é Cesar Leandro Mumbach, sou Bacharel em Sistemas de Informação e consegui a 7ª colocação no concurso da EsFCEx de 2016. Vou contar um pouco da minha caminhada e preparação para este concurso.

Meu desejo pela carreira militar vem desde pequeno, mesmo sem ter nenhum familiar, amigo ou conhecido que fosse de alguma á
rea das forças armadas, sempre foi algo que me chamou a atenção.

Ainda cursando o Ensino Fundamental, fomos convidados para assistir a uma palestra sobre ingresso na EPCAR (Escola Preparatório de Cadetes do AR). Lembro que saí de lá eufórico, com um panfleto na mão e muita vontade de correr atrás dessa possibilidade. Sem muita informação e direção, logo meu desejo caiu no esquecimento.

Algum tempo depois, mais uma possibilidade, no último ano do Ensino Médio alguns amigos de sala conheceram o ITA (Instituto Tecnológico da Aeronáutica) e começaram a motivar a todos a fazer o vestibular. Logo fiquei cheio de expectativa novamente, imprimimos apostilas, provas anteriores e informações. No final acabei não prestando a prova, primeiro porque não estudei, segundo porque a formatura do Ensino médio era no mesmo dia da prova.

cesar2O tempo passou, passei no vestibular para Sistema de Informação e iniciei minha faculdade em 2004. Naquele ano ocorreu meu alistamento militar, uma grande oportunidade para servir no exército. Decisão difícil, mas resolvi continuar meus estudos, pois talvez não teria outra oportunidade como aquela para realizar minha graduação.

Durante a faculdade tive a oportunidade de conhecer um grande homem, Nestor Lange, o qual se tornou meu melhor amigo. Compartilhamos muito momentos juntos, entre estudos e lazer, estávamos juntos quase todos os dias. Nestor havia servido no exército alguns anos e tinha um grande desejo de voltar à caserna e foi através dele que conheci o concurso. Nestor me contou do seu sonho de retornar ao exército como oficial, após terminar a graduação. Aquilo realmente mexeu comigo, pois via uma possibilidade real de conseguir ingressar na carreira militar e ainda continuar atuando na minha área de formação. Agora o incentivo era maior, encontrei alguém que compartilhava do mesmo sonho que eu. Juntei as informações, li todo o conteúdo disponível sobre o concurso e nos inscrevemos para fazer a prova ainda no 3º ano da faculdade. A intensão era apenas sentir como era o certame, nível das questões e, quem sabe, obter um resultado motivador. Na época, a prova ainda possuia questões dissertativas e era realizada em dois dias. Depois da prova, lembro-me de olhar para o Nestor e, em silêncio, saímos do local da prova. Foi a prova mais difícil que já tinha visto na minha vida, conteúdos que nunca havia estudado na faculdade e nem mesmo tinha ouvido falar, mas tudo bem, era apenas a primeira tentativa. No ano seguinte prestei a prova novamente, mas fui tão mal quanto no ano anterior, dois anos seguidos e não consegui nem mesmo os índices mínimos de aprovação.

Percebi que teria que me dedicar aos estudos de verdade, apenas com o conhecimento que tinha não seria suficiente. Após terminar a faculdade, com mais tempo livre, fiz um planejamento para o ano de 2008 e me preparei para estudar durante o ano todo nos tempos livres. Juntei alguns poucos livros que tinha, busquei apostilas na internet e montei um material para direcionar meus estudos durante o ano. Naquele ano prestei a prova, mas novamente não consegui a aprovação.

Me casei, mudei de cidade, fiquei um ano sem fazer a prova, mas em 2010 estava determinado a realizar um plano de estudos infalível e que me levaria a aprovação. Melhorei meu material de estudos, mantive o foco e estudei desde o início do ano até o dia da prova. Quando saiu o resultado, mais uma decepção, mesmo com tanto esforço, não consegui a aprovação. Neste momento eu pensei: “Isso não é pra mim, é um concurso muito difícil de realizar, eu nunca fui um aluno exemplar nos estudos e nem mesmo sei como estudar para concurso”. Segui minha vida, entendi que minha carreira seria no setor privado e que o sonho de ser militar não era algo real pra mim.

Uma vez ou outra eu entrava no site da EsFCEx para ver como estavam as coisas, olhar as vagas disponíveis naquele ano, ver as fotos, matérias sobre os novos alunos. O desejo de ser militar ainda continuava, mas não queria passar novamente pela frustração de estudar mais um ano na incerteza da aprovação. No início do ano de 2016 resolvi que deveria tentar o concurso mais uma vez, pois me sentia com mais maturidade para conciliar o tempo de estudo e a vida pessoal. Foi um ano muito difícil, com muitos desafios, mas decidi pagar o preço e no final deu tudo certo graças a Deus, consegui a 7ª colocação no QCO de Informática da EsFCEx.

Você deve estar se perguntando: Mas afinal, o que você fez de diferente neste ano para conseguir a aprovação?

Vou explicar como direcionei meus estudos neste ano. Talvez algumas destas coisas possam te ajudar.

Até então, nunca havia feito nenhum outro concurso, a não ser o da EsFCEx e também nunca havia feito nenhum cursinho, mas sabia que tinha que aprender o que as pessoas estavam fazendo de diferente para ser aprovadas. Pesquisando pela internet encontrei muito material sobre concursos, técnicas de estudo, depoimento de aprovados, cursinhos da área e uma infinidade de material, seja em apostilas e video aulas.

Juntei tudo que achei interessante e comecei o meu trabalho. Você deve estar pensando que neste momento comecei a estudar, não é? Nada disso. Uma das grandes falhas que cometi nos concursos anteriores foi não ter montando um planejamento de estudos com as minhas metas para cada etapa.

Primeiramente juntei todo o material que consegui para os estudos, sendo que a maioria dele eram apostilas e livros digitais. Comprei alguns livros da bibliografia, mas apenas os principais.

Para chegar na prova com segurança eu precisava ver todo o conteúdo do edital, coisa que não tinha conseguido nos anos anteriores, entendi que precisava de um curso para direcionar meus estudos, mas que fosse um curso focado na EsFCEx. Assisti algumas aulas gratuitas disponibilizadas pelo Ten. Emanuel, do site Rumo à EsFCEx e resolvi adquirir algumas aulas, pois tratavam a fundo os assuntos pedidos para a prova. Fiz os cursos de Linux, Arquitetura de Computadores e Sistemas Operacionais, Redes de Computadores e ITIL. Também contratei os cursos de Conhecimentos Gerais do Cidade.

Estava disposto a trabalhar duro nos estudos, mas não poderia deixar de ter um tempo de qualidade com minha filha de 3 anos e com minha esposa, as quais eram a minha maior motivação para retomar os estudos para o concurso. Também tinham minhas atividades na igreja e não pensava em deixá-las, ainda que temporariamente.

cesar3Tinha todo o conteúdo para iniciar os meus estudos, então fiz um quadro de horários e distribui o tempo de estudo disponível durante a semana. De segunda a sexta estudava conhecimentos gerais, aproximadamente 3 horas de estudo por dia e no sábado e domingo informática, aproximadamente 8 horas de estudo por dia. Assistia todas as vídeo aulas gravadas e não ao vivo, fazia questão de estudar assim, por dois motivos: primeiro porque podia parar a aula e voltar quando não entendia alguma coisa, segundo porque sempre assistia o vídeo em velocidade 2x, dessa forma ganhava 50% de tempo de estudo. Outra coisa que fiz foi fazer resumo de tudo que eu estudava. Dividi os assuntos de informática e para cada um deles eu criei um resumo. Exemplo: Banco de dados, Padrões de projetos, Redes de computadores, ITIL, etc. Fiz o mesmo para as matérias de gerais. A sacada do resumo está em dois pontos principais: Escrevendo eu aprendia e gravava melhor o conteúdo do que apenas assistindo e com os resumos eu poderia fazer uma revisão rápida e frequente. No início parecia que estava perdendo tempo, resumindo tudo que estudava, mas em determinado momento já sabia quase na ponta da língua o assunto daquelas páginas. Procurava rever os meus resumos toda semana, assim o conteúdo sempre ficava fresco na mente. Usava muita canetinha amarela, mesmo tendo estudos que dizem que isso não ajuda em nada, eu rabiscava todos os meu resumos, com setas, flechas, círculos, notas de rodapé, mnemônicos, associações e tudo mais que me ajudasse a lembrar daquele conteúdo. Costumava dizer que meus resumos pareciam um tsunami, que só eu conseguia entender. No final dos estudos resumi todo o meu ano de estudo em aproximadamente 100 folhas de caderno e isso era tudo que estava na minha mente e pronto para ser usado no dia da prova. Outra maneira de manter o conteúdo sempre aceso na mente, foi resolver muitas questões de concursos dos assuntos que estava estudando. Eu usava as questões como revisão e aprendizado, pois quando encontrava uma questão com assunto que ainda não tinha visto nos meus estudos, logo pesquisava e adicionava nos meus resumos. Adquiri algumas aulas do Provas de TI para assuntos mais específicos e que necessitava de um entendimento mais profundo como IN04, padrões de projetos, mineração de dados entre outros. Depois de ver os vídeos, é claro, todo o assunto era anotado em meus resumos.

Faltando menos de dois meses para a prova percebi que não conseguiria ver todo o conteúdo planejado, então resolvi cair de cabeça nos estudos durante estes últimos dias. Me ausentei de todos os compromissos que tinha e refiz meu calendário de estudos. Meu horário passou a ser das 19:00 até 00:00, mas frequentemente estendia os estudos madrugada a dentro para as 01:00, 02:00 ou 03:00 da manhã, dependendo do assunto que estava estudando. Não ficava confortável em parar de estudar um assunto no meio, então procurava terminar na mesma noite o que estava estudando.

cesar4Faltando menos de 40 dias para a prova eu já havia lido pelo menos 2x todo o material que possuía, mas ainda não havia estudado todo o edital. Precisava de mais material, então adquiri o curso de informática do Cidade com um grande desafio: Rever todas as vídeo aulas desde setembro de 2015 e algumas ainda de anos anteriores. Refiz novamente o planejamento e continuei estudando com muito foco, algumas pequenas pausas para banheiro e comida e o objetivo era ver todo o conteúdo. Depois de 2 semanas assisti todas as vídeo aulas e resumi todo o conteúdo interessante que ainda não havia estudado. Faltando duas semanas para a prova, consegui finalizar o estudo de todos os assuntos do edital, já havia realizado todos os simulados propostos nos cursos do Ten. Emanuel e no Cidade. Utilizei as duas últimas semanas para simular meu conhecimento com as provas reais e resolvi todas as provas anteriores da EsFCEx, algumas do QT da Marinha e algumas do QOAP da Aeronáutica.

Os conteúdos que eu ainda estava errando, fiz questão de rever e garantir que havia entendido. Os dois dias antes da prova separei exclusivamente para rever meus resumos, todo o conteúdo que estudei durante o ano, mesmo que já tivesse passado por eles milhares de vezes, e sabendo que não ia aprender nada novo, mas queria deixar tudo na mente para evitar qualquer branco na hora da prova. Além do mais esperava ser a última vez que veria aqueles resumos. Este era um ano diferente, sabia que tinha feito tudo que podia, estudei ao máximo, aproveitei todas as oportunidades e agora só restava ficar tranquilo e fazer a prova.

Sempre antes dos meus estudos falava com Deus e pedia ajuda no entendimento dos conteúdos. Não passou um dia sequer em que eu não pedia para que Deus me ajudasse no entendimento dos conteúdos e Ele sempre foi fiel. Mesmo nos assuntos que eu nunca tinha visto e estava com muita dificuldade, sempre depois que orava a Deus conseguia entender os assuntos e seguir nos estudos.

Eu acredito que Deus está no controle de todas as coisas e essa aprovação é para a Glória do nome Dele, pois como diz a palavra: “Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.” Hebreus 11:6

E foi assim no dia da prova, foi o que falei para Deus sentado na cadeira da sala esperando o horário para iniciar a prova: “Se estou aqui é por causa do Senhor, me ajude a lembrar todo o conteúdo que estudei durante o ano e me ajude a resolver esta prova.”

Graças a Deus, deu tudo certo.

São muitas as coisas que acontecem na caminhada durante os estudos, mas tentei explicar como foi minha rotina de estudos e o que me ajudou na aprovação. Os depoimentos de aprovados em anos anteriores me ajudaram muito nas minhas dúvidas, espero que este depoimento possa te ajudar também de alguma forma.

Deixo aqui alguns agradecimentos e dicas para aqueles que estão nesta caminhada:

1 – Acredite em Deus e confie que Ele está sempre no controle de todas as coisas. Estude ao máximo, faça tudo que estiver ao seu alcance e deixe o resto nas mão de Deus. Se for o tempo e o propósito de Deus na sua vida, nada vai impedir a sua aprovação.

2 – Sempre faça o planejamento dos seus estudos e deixe ele bem visível, acompanhe seu desempenho diariamente e refaça o planejamento caso seja necessário. Contabilize os tempos que você realmente estará com foco total nos estudos e deixe os demais tempos mortos como gordura. Por exemplo, se não é todo dia que você consegue estudar de meio dia, então não contabilize esse tempo como certo, mas deixe ele para revisões ou para resolver exercícios e simulados.

3 – Durante a caminha vão surgir imprevistos e você precisa aprender a lidar com eles. É um compromisso inadiável, um filho que fica doente, um dia no trabalho que foi necessário ficar até mais tarde, um dia cansativo onde as coisas não saíram como esperado. Vão ter os dias de nervosismo, dias de estresse, dias que dá vontade de abandonar tudo. Tenha calma, respire fundo, reorganize seu cronograma e continue com seu foco no objetivo e não no problema. O concurso da EsFCEx possui um extenso edital para estudar, muitos vão desistir pelo caminho, muitos vão fazer a prova sem estudar o mínimo necessário e muitos vão apenas fazer a prova. O seu maior desafio é se mantar firme e focado até o fim.

4 – Algumas coisas vão te atrair muito mais do que os estudos, um sofá, uma cama, uma televisão, um momento com os amigos. É possível separar algum tempo para estes momentos, mas desde que eles não comprometam seu cronograma de estudos e que você não esteja se auto sabotando. Aprenda a sentir prazer durante o seu momento de estudos e isso vai te ajudar muito a aprender o conteúdo que está estudando e não apenas em cumprir o cronograma. Lembro que alguns dias antes da prova percebi que tinha esquecido como fazer o cálculo de sub-redes durante a resolução de um simulado. Fiquei apavorado e passei aquela noite toda estudando novamente o assunto, fui para a cama já de madrugada, mas valeu a pena, porque na prova caiu justamente uma questão deste assunto. Cada minuto de estudos vai valer a pena, aproveite ao máximo este momento.

5 – Medir o seu desempenho é fundamental durante o processo de aprendizagem, realizando simulados frequentes e definindo uma meta para atingir, exemplo: 80% ou 90%. Se não estiver alcançando sua meta, veja onde está errando e estude novamente o assunto. Utilize os simulados a seu favor, identifique onde está errando, falta de atenção, falta de compreensão, esquecimento, assunto que não estudou. Isso vai te ajudar muito a direcionar seus estudos.

6 – Realizar questões de concursos também ajuda muito a manter o conteúdo fresco na mente. Eu sempre resolvia questões sobre os assuntos que havia terminado de estudar. Utilize as questões como uma forma de validar o seu aprendizado e rever o conteúdo já estudado. Ao resolver as questões, não chute, mas se preocupe em saber o motivo pelo qual cada alternativa está certa ou errada. Fazendo isso com todas as questões que você resolve será possível se aprofundar muito mais no assunto. Se encontrar alternativas ou questões com assuntos que não sabe, pare e pesquise sobre eles, garantindo que da próxima vez que esse assunto aparecer, você não terá problemas.

7 – É necessário ter motivação durante sua caminhada de estudos. Algo que me ajudava muito era ficar olhando fotos e vídeos de alunos da escola, para mim era como se estivesse vivendo aquilo e isso me ajudava a continuar no foco. Entrada dos alunos pelo portão das armas, vídeos do acampamento e também o vídeo “ACREDITE EM VOCÊ!” do site Rumo a EsFCEx que ouvia quase todos os dias antes de iniciar os estudos.

8 – Agradeço a Deus, meu grande amigo, que está comigo todo os dias. A minha amada esposa Elizandra e minha filha Ana Clara, que foram minha maior motivação durante meu período de estudos e aos amigos da igreja que compreenderam minha ausência durante este período de dedicação.

Espero ter ajudado de alguma forma e sucesso a todos que continuam nesta caminhada Rumo à EsFCEx;

Muito sucesso e que Deus abençoe!

Cesar Leandro Mumbach

7º colocado de Informática – EsFCEx 2016 / CFO 2017

Emanuel Peixoto

* Militar do Exército Brasileiro (QCO/Informática/2011)
* Formado em Sistemas de Informação.
* Instrutor de Informática do Concursando Militar
* Criador do blog “Rumo à EsFCEx”
* Analista de TI do Comando da 7ª Região Militar/Recife-PE
* Profissional com mais de 15 anos de experiência na área de TI, atuando como Engenheiro de Sistemas e DBA.
* Microsoft Certified – MCDBA | MCSE | MCSA | MCITP | MCTS
* IBM Certified Developer – Cognos 8 BI Data Warehouses
* ITIL® V2 e V3
* Green IT Citizen
* ISO/IEC 27002

http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619
http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619

Facebook Twitter LinkedIn Google+ YouTube 

Pertinente para o momento

Emanuel Peixoto

* Militar do Exército Brasileiro (QCO/Informática/2011)
* Formado em Sistemas de Informação.
* Instrutor de Informática do Concursando Militar
* Criador do blog “Rumo à EsFCEx”
* Analista de TI do Comando da 7ª Região Militar/Recife-PE
* Profissional com mais de 15 anos de experiência na área de TI, atuando como Engenheiro de Sistemas e DBA.
* Microsoft Certified – MCDBA | MCSE | MCSA | MCITP | MCTS
* IBM Certified Developer – Cognos 8 BI Data Warehouses
* ITIL® V2 e V3
* Green IT Citizen
* ISO/IEC 27002

http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619
http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619

Facebook Twitter LinkedIn Google+ YouTube 

RANKING 2016

lupa

ranking2016

Emanuel Peixoto

* Militar do Exército Brasileiro (QCO/Informática/2011)
* Formado em Sistemas de Informação.
* Instrutor de Informática do Concursando Militar
* Criador do blog “Rumo à EsFCEx”
* Analista de TI do Comando da 7ª Região Militar/Recife-PE
* Profissional com mais de 15 anos de experiência na área de TI, atuando como Engenheiro de Sistemas e DBA.
* Microsoft Certified – MCDBA | MCSE | MCSA | MCITP | MCTS
* IBM Certified Developer – Cognos 8 BI Data Warehouses
* ITIL® V2 e V3
* Green IT Citizen
* ISO/IEC 27002

http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619
http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619

Facebook Twitter LinkedIn Google+ YouTube 

Heróis de verdade

Emanuel Peixoto

* Militar do Exército Brasileiro (QCO/Informática/2011)
* Formado em Sistemas de Informação.
* Instrutor de Informática do Concursando Militar
* Criador do blog “Rumo à EsFCEx”
* Analista de TI do Comando da 7ª Região Militar/Recife-PE
* Profissional com mais de 15 anos de experiência na área de TI, atuando como Engenheiro de Sistemas e DBA.
* Microsoft Certified – MCDBA | MCSE | MCSA | MCITP | MCTS
* IBM Certified Developer – Cognos 8 BI Data Warehouses
* ITIL® V2 e V3
* Green IT Citizen
* ISO/IEC 27002

http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619
http://www.mycertprofile.com/Profile/1915602619

Facebook Twitter LinkedIn Google+ YouTube